quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Elas são bonitinhas, elas são engraçadas. Elas sorriem, você se derrete. Mas elas podem arruinar a sua viagem. Não, não estamos falando da miss Campos do Jordão, que está hospedada no mesmo hotel. Estamos falando do anjinho no banco de trás do seu carro. E ele já começou a perguntar “Quanto falta pra chegar, pai-êêêê?”. Sua paciência está no limite. O fim de semana está apenas começando, mas você sabe que aquele pequeno ser de menos de um metro pode se tornar o seu pior inimigo. Calma. Basta seguir o nosso guia prático em apenas 5 passos para não deixar as crianças arruinarem a sua viagem em um hotel.

1. Espere elas fazerem 18 anos


Brincadeira. Não precisa esperar tanto. Quinze já está bom. Esta questão é antiga e incita debates exaltados: levar ou não levar crianças para as férias? Os defensores mais apaixonados da presença infantil dizem que férias com os pequenos são importantes para reforçar os laços familiares e mostrar a eles uma perspectiva diferente daquela do cotidiano. Uma perspectiva cheia de aprendizado e afeto. Já os que são contrários à ideia pertencem a uma escola de pensamento que pode ser resumida em: “crianças enchem o saco demais, vixi meu deus do céu”. Melhor deixar com a avó. Nós estamos do lado do primeiro grupo.

2. Escolha um hotel que ofereça “tirolesa” e “arvorismo”, seja lá o que for isso


A boa escolha do hotel pode significar 90% do sucesso da sua viagem com crianças – os outros 10% dependerão de quantas vezes você tiver que limpar o vômito dos pequenos no banco do carro ou na cama do hotel (porque sim, eles vão vomitar em algum momento. Crianças vomitam. É isso que elas fazem da vida.) Pois a maioria dos hotéis que se dizem adaptados para crianças oferecem algo chamado “tirolesa” e uma outra coisa chamada “arvorismo”. O primeiro, aparentemente, envolve música e dança típica da Áustria. O segundo tem algo a ver com um culto místico movido a chás diversos e que venera pés de Jacarandá. Não é bem isso, mas é mais ou menos isso. O importante é que conste esse negócio na resenha do hotel.

3. Deixe a vovó em casa


A gente sabe que você está aí, navegando pelos hotéis do trivago, com cara de quem não quer nada, mas já tendo em mente aquele plano maligno: reservar um quarto também para a vovó. A motivação oficial é nobre: aproveitar as férias para integrar as três gerações (mais precisamente a primeira e a terceira geração enquanto a segunda geração, você, escapa para a praia). Afinal, você só quer proporcionar momentos inesquecíveis entre vovó e netinho que eles lembrarão para sempre. Mas nós sabemos que você só quer exercitar o velho hábito de empurrar as crias para a avó e ter um pouco de paz. Nosso conselho: não faça isso. Pobre da velhinha. Prefira hotéis que oferecem cuidadores e recreação específica para crianças.

4. Não deixe o papel de mãe/pai substituir o de viajante


Esse papo é sério: se você sempre foi apaixonado por viajar ou curtir um hotel diferente, sabe que, quando as crianças chegam em nossas vidas, tudo muda. Desde a hora de planejar as férias até a execução, a gente acaba fazendo quase tudo pensando neles. E, com o tempo, acaba percebendo que aquele viajante aventureiro dentro de nós vai desaparecendo. Não deixe isso acontecer. Reserve alguns momentos da viagem para deixar o seu lado viajante ressurgir. Uma caminhada na montanha sem as crianças, uma parada no bar do hotel para um drink e conversas, uma massagem no spa em silêncio total, tudo isso funciona.

5. Ensine coisas novas para as crianças


Não há melhor maneira de manter as crianças calmas durante a viagem do que engajando elas em alguma atividade em que aprendam algo. E viagens são o momento ideal para aprender. Pense no seu caso: quantas lembranças da infância você não tem justamente dos períodos de férias? Por algum motivo, o nosso cérebro guarda melhor o que fazemos fora da rotina. Este pode ser, por exemplo, um bom momento para conectar as crianças com a natureza e ensinar a importância da ecologia, principalmente se elas viverem na cidade e em apartamentos.

Dicas esseciais para viajar com crianças

sábado, 25 de novembro de 2017

Primeira montanha russa aquática do país é inaugurada em SP

Recomendada para todas as idades, a atração está localizada em um famoso parque aquático do interior paulista
O parque aquático Thermas dos Laranjais da cidade de Olímpia, a 438 km de São Paulo, acaba de inaugurar a primeira montanha-russa aquática do Brasil. A atração radical foi aberta a público dia 12 de outubro e já atraiu milhares de visitantes curiosos para o interior do estado paulista.
A montanha-russa é a maior da América Latina, com um percurso de 320 metros entre túneis, descidas bruscas e leves, e subidas que chegam a 20 metros de altura, o equivalente a um prédio de 10 andares. Suas proporções impressionam, encontrar uma de tamanhos parecidos só em Tenerife, na Espanha.
Com velocidade média de 25 km/h, os visitantes fazem todo o percurso em boias para dois passageiros. A diferença básica entre um toboágua tradicional e uma montanha russa aquática é que no toboágua você apenas desce empurrado pela água. Já na nova atração, a água te empurra para cima também, similar justamente a uma montanha russa tradicional
 A atração está na parte radical do parque, mas é considerada apropriada para toda a família, desde que tenha a altura mínima de 1,2 metro para andar. A construção da montanha-russa aquática durou 1 ano e custou cerca de R$9,5 milhões (US$ 3 milhões) e foi desenvolvida pelo parque em parceria com a empresa Acquakita, do México, que também ficou responsável pela fabricação da estrutura, pistas e tubos da própria montanha russa aquática.
Esse vídeo aqui dá uma palhinha de como a montanha russa aquática funciona na prática.

Foto: Divulgação/Thermas dos Laranjais

Foto: Divulgação/Thermas dos Laranjais

Foto: Divulgação/Thermas dos Laranjais

Informações

Horário de funcionamento:
Segunda-feira das 9:00 às 20:00 horas
De terça a domingo das 8:00 às 20:00 horas
Ingressos:
Segunda a sexta
Adulto: R$80,00
Meia: R$40,00
Finais de semana
Adulto: R$100,00
Meia: R$50,00
Datas especiais e feriados
Adulto: R$120,00
Meia: R$60,00
**Crianças até 6 anos: R$10,00 todos os dias
www.termas.com.br
Confirmar preços

Primeira montanha-russa aquática do Brasil

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Infra-estrutura é a palavra-chave na hora de escolher uma praia para curtir com o bebê. Isso quer dizer que o lugar deve contar com boas condições hoteleiras, alimentares e sanitárias para que a estada da família seja tranquila.
Praias mais tranquilas tanto com a quantidade de pessoas que frequentam os destinos, como mares mais calmos, sem correntezas fortes também são um fator importante para conseguir aproveitar ainda mais as férias com crianças pequenas. Veja uma lista de praias ideias para curtir com a família:
Maragogi – Alagoas
Cortada por uma barreira de corais, o litoral de Maragogi possuí águas calmas com poucas ondas pequenas. Distribuídas em 10 praias, o litoral do município possuí 22 km com belezas incontáveis que vão de barreiras de areia dentro do mar, fazendo um jogo de cores em todo o litoral como o caso de Barra Grande ou a praia de Antunes que é uma das mais tranquilas, tornando o local ideal para descanso.
As famosas piscinas naturais em Maragogi é o principal objetivo da viagem, o passeio até o local é oferecido por diversas agências de turismo locais. As crianças vão amar nadar ao lado de centenas de peixes coloridos que vivem entre os corais.
DCIM115GOPRO
Praia do Madeiro – Tibau do Sul (RN)
O grande atrativo dessa praias são os golfinhos que aparecem logo pela manhã, por volta das 8 ou 9 horas. Por isso é bom se programar para ir à praia cedo assistir ao espetáculo. A faixa de areia é extensa, fofa e o mar, bastante calmo.
13892453873_6e5b732c9e_k
Praia dos Carneiros, Tamandaré – Pernambuco
Uma combinação de coqueirais, um muro de recifes de coral, falésias, bancos de areia, e águas com tonalidades de verde e azul, calmas e claras fazem da Praia de Carneiros um lugar ideal para viajar com a família. De um lado a água fica com tonalidades de verdes devido o encontro com o rio Arquindá, a atração desse lado da praia é a bucólica igreja de de São Benedito. Do outro lado um extenso coqueiral nos faz ter uma outra perspectiva da praia, restaurantes, bancos de areias fazem um jogo de cores no mar contrastando diversos tons de azul, um paredão formado por corais deixam o mar como uma grande piscina. A praia é considerado por muitos como uma das mais belas do Brasil.
O acesso pode ser feito de diversas formas, passeios de catamãra convidam os turistas a conhecer as belezas da região, uma estrada até a Barra de Sirinhaém e contratar um barqueiro local no porto. O percurso sai mais barato e menos demorado.
DCIM117GOPRO
Praia da Ferradura, Búzios – Rio de Janeiro
Localizada em Búzios, a 170 km do Rio de Janeiro, a Praia da Ferradura, cujo formato lhe dá o nome, é muito procurada por famílias. O litoral parece uma baía de tão calminha. Possui estrutura de bares no canto esquerdo, esportes náuticos como banana boat, caiaque, pedalinho e passeios de lancha também são oferecidos no local para o sorriso da molecada.
ferradura
Circuito Abraãozinho, Ilha Grande – Rio de Janeiro
Talvez esse possa ser o caminho mais complicado para chegar ao destino,  considerando o fato que é necessário pegar um barco para chegar a bela Ilha Grande, mas o acesso é na verdade bem mais fácil do que muitos imaginam e bem seguro. Os barcos saem todos os dias de Mangaratiba, Angra dos Reis e Conceição de Jacareí com trajeto com duração variadas dependendo da embarcação (lanchas, escuna ou speed boat). Chegando na Vila do Abrãao , o vilarejo mais conhecido da ilha há duas possibilidades de conhecer as praias mais próximas da região: o circuito Abraaãozinho ao lado direito do litoral e o circuito da Feiticeira ao lado esquerdo. O de Abraãozinho possuí as águas mais calmas, durante a tranquila caminhada o viajante pode conhecer diversas praias com belezas peculiares, sempre pouco agitadas e com uma tonalidade tão verde que parece ser mentira.
3
Ponta das Canas, Florianópolis – Santa Catarina
Muita procurada por argentinos e adeptos dos esportes náuticos, a praia de Ponta das Canas está a apenas 33 km do centro de Florianópolis e possuí águas calmas e mansas.
florianopolis
Praia do Forte, Mata de São João – Bahia
A apenas 80 km de Salvador a Praia do Forte é um dos pontos mais bonitos do litoral norte baiano. A região é formada por areias claras, coqueirais, recifes e mar cristalino repleto de cardumes coloridos. Passeios para as reservas ambientais no entorno do município e para o Projeto Tamar ajudam a aumentar o número de turistas que procuram visitar o estado.
Durante os meses de dezembro e fevereiro tem a chance de presenciar o processo de colocar as tartarugas recém nascidas no mar. Já nos meses de julho a outubro a atração são as baleias jubarte que visitam a região para amamentar os filhotes.
4
Barra do Una, São Sebastião – São Paulo
Localizada entre as praias de Boracéia e Juquehy, Una integra a Costa Sul de São Sebastião. A praia de Barra do Una, no Litoral Norte de São Paulo, é uma das mais bonitas do estado. O charme está numa pequena e arborizada porção de areia no canto esquerdo, que corta a paisagem e separa o mar da água doce e mansa do Rio Una, onde as ondas são mais calmas.
una

Praias para curtir com a família

quarta-feira, 8 de novembro de 2017


Juma Lodge

O Juma Lodge está localizada em uma pequena península coberta por uma mata nativa, típica da Amazônia, em uma das áreas mais preservadas da floresta. O hotel também oferece passeios pela selva e o máximo de exclusividade em seus 21 bangalôs, todos suspensos entre a copa das árvores, construídos em palafitas totalmente integrado à natureza.
As acomodações tem opcionais com vista para a floresta, para o Rio Juma ou uma visão panorâmica de ambos no maior bangalô do hotel. Todos oferecem estrutura completa totalmente equipadas para garantir extremo conforto mesmo em uma das regiões mais remotas do mundo.

Foto: Divulgação Juma Lodge

Juma Lodge rodeada pela mata nativa da Amazônia

quinta-feira, 2 de novembro de 2017


Cristalino Lodge

Premiado como um dos 25 melhores eco lodges do mundo pela National Geographic, o Cristalino Lodge é um hotel de selva que está localizado em uma reserva particular na região Sul da Amazônia, no município de Alta Floresta em Mato Grosso.

O eco lodge também oferece diferentes atividades para contemplação do bioma local com trilhas, canoagem, passeios ecológicos, observação de aves e outros animais, workshop e oficinas de fotografias com profissionais renomados, além de uma imersão única na floresta para quem quer se apaixonar de vez pela Amazônia.

Cristalino Lodge ótimo para curtir com a família, premiado com um dos melhores eco lodges

Ipemig Pós Graduação EAD
Ipemig Pós Graduação EAD
todas as pós-graduaçãoes por 15x 99,00 + matricula de R$150
 
Aumente a sua possibilidade de empregabilidade
e progressão salarial com um curso de pós graduação
 
Carga horária diferenciada   Educação a Distância (EAD)

Carga horária diferenciada

Educação a Distância (EAD)

Carga horária a partir de 580h.
Certificado pronto entre 30 e 90 dias.

Forma rápida e prática para adquirir
conhecimento de qualidade.
   
MEC Preço acessível

MEC

Preço acessível

Todos os cursos com diplomas
reconhecidos pelo MEC.

Facilidade de pagamento e descontos
ao indicar amigos.
 
Faça uma especialização
acessível e de qualidade.
Garanta a sua vaga

*Carga horária de 580 horas, duração mínima de 6 meses. Consulte os cursos disponíveis para esta carga horária.
**Condição especial para todos os cursos da Educação Especial. - Veja as condições que preparamos para a sua área!