quarta-feira, 31 de maio de 2017

Se já é incômodo para muitos adultos, viajar de avião com crianças pode ser desconfortável pra elas também. Ficar horas parado ali dentro pode ser bem entediante e isso acaba mexendo com o humor dos pequenos.
Mas existem algumas dicas que tornam a viagem mais agradável. Que tal pensar em algumas coisas pra entretê-las? Além disso, listamos aqui alguns conselhos sobre documentação e até o preparo da mala.

ENTRETENIMENTO A BORDO

Distrair os pequenos pode ser mais simples do que você imagina, basta usar a criatividade.
1. Brinquedos
Leve na bolsa ou mochila o brinquedo favorito do seu filho. Vale ter um pra você também para que ele tenha a sensação de “brincar junto”.
2. Atividades
Algumas atividades bem simples podem distrair as crianças e evitar o incômodo da viagem. Já pensou em levar massinhas, livros pra colorir ou peças para montar? Outra sugestão é levar folhas brancas e lápis de colorir. Você pode começar o desenho e incentivar seu filho a terminá-lo.
Dá também pra brincar de atividades verbais, como o Jogo das Palavras. Escolha uma palavra e peça pra criança dizer outra que tenha relação com a sua. Depois é a sua vez e assim vocês montarão um círculo de palavras em comum.
3. Tecnologia
Use a tecnologia a seu favor. Depois de autorizado, ligue seu celular no modo avião e vá passando fotos e peça pra criança adivinhar quem são os familiares e amigos que estão nelas.
Vale também levar um tablet ou DVD portátil com desenhos que a criança goste de assistir. Não esqueça do fone de ouvido.
4. Hora do lanche
Com o serviço de bordo cada vez mais restrito, leve lanchinhos que a criança goste. O simples fato da hora do lanche pode distraí-las e tornar o voo mais agradável.

FAZENDO AS MALAS

• Faça uma lista com antecedência das coisas que você acha que irá precisar na viagem. Isso evita que você carregue coisas que nem irá precisar, já que no avião há limite de peso da bagagem por passageiro (normalmente 23kg em voos no Brasil e 32kg para o exterior).
• Leve em consideração o clima no destino, as atividades e quantos dias a viagem vai durar.
• Não se esqueça de organizar os documentos e a carteirinha do plano de saúde ou número do SUS da criança. Se for viajar com bebês, leve ainda o cartão de vacinação e certifique-se de ter o telefone do pediatra salvo no seu celular.

RESTRIÇÕES

As companhias aéreas do Brasil orientam que crianças de até cinco anos não podem embarcar desacompanhadas de um maior de 18 anos responsável. Crianças de 0 a 1 ano e 11 meses não pagam passagem desde que sentem no colo de um adulto responsável ou de uma criança maior de 12 anos, nesse caso também acompanhada. É permitido uma criança de colo por cliente. Se for para o exterior, consulte a empresa aérea.

DOCUMENTAÇÃO

Viajar de avião com crianças pede uma atenção especial com a documentação: Voos Nacionais
Para embarcar com um menor de 12 anos você vai precisar apresentar o documento original ou autenticado da criança, podendo ser:
• Certidão de nascimento;
• Passaporte;
• Carteira de Identidade (RG);
• Cartão de Identidade expedido por ministério ou órgão subordinado à Presidência da República, incluindo o Ministério da Defesa e os Comandos da Aeronáutica, da Marinha e do Exército;
É imprescindível que a filiação ou parentesco com o responsável fique comprovado no documento de identificação da criança. O adulto também deverá apresentar um documento de identificação válido. De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, o menor pode viajar com parente de até o terceiro grau, desde que comprovado documentalmente o parentesco.
Além disso, é possível que crianças e adolescentes viajem desacompanhados de ambos os pais, desde que observadas as exigências legais. Consulte a empresa aérea com antecedência.
Voos Internacionais
Para embarcar com um menor de 18 anos, você deve apresentar um documento original da criança que comprove a filiação ou parentesco com o responsável, podendo ser:
• Passaporte válido;
• Carteira de identidade (RG)
Caso a criança viaje com apenas um dos pais (ainda que ambos viajem para o mesmo destino, mas estejam em voos diferentes) é necessário apresentar, também, a autorização do outro.
Em viagens internacionais, menores precisam de autorização dos pais ou responsáveis para viajarem sozinhos. O Sistema Nacional de Passaportes (SINPA) permite que novos passaportes sejam confeccionados com a autorização impressa na página de identificação do documento. Caso o passaporte não contenha o campo de permissão, é necessária apresentação de autorização reconhecida em cartório para deixar o Brasil .

Viagem com crianças no avião

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Principal destino turístico da Serra Gaúcha, Gramado possui atrações o ano todo. No inverno, o frio torna a região perfeita para casais apaixonados, repleta de opções de vinhos e fondues. Durante a primavera e parte do verão, ela é tomada por flores, principalmente hortênsias. No outono, o clima europeu fica ainda mais evidente com as folha secas das árvores. A cidade também recebe o consagrado Natal Luz (no final do ano), a Chocofest (na Páscoa) e o Festival de Cinema (agosto).
Além das construções em estilo enxaimel (comuns na Alemanha, por exemplo), Gramado tem como grande destaque o Snowland, parque indoor de neve onde você pode esquiar. Entre as atrações também estão o Lago Negro, o Mini Mundo, o Museu de Cera, a Igreja Matriz São Pedro, a rua Coberta e o Parque Gaúcho.
Gramado recebe o Natal Luz de novembro até o começo de janeiro, um dos eventos mais concorridos do Brasil. Neste período a região é tomada pelo espírito natalino, com desfiles, músicas e decoração ligada ao tema.
Uma das cidades mais importantes da Serra Gaúcha, Gramado tem um centro repleto de atrações, construções charmosas e deliciosas lojas de chocolate.















Gramado, Rio Grande do Sul

sexta-feira, 19 de maio de 2017



Bonito seria uma pacata cidadezinha do interior se, em meados dos anos 70, o peão de uma fazenda não tivesse descoberto um buraco no chão. Dentro do buraco de 72 metros de profundidade – batizado de abismo Anhumas – havia um imenso lago de águas cristalinas tomado por estalactites. Aos poucos, o tal buraco, a encantadora gruta da Lagoa Azul, as cachoeiras e os rios incrivelmente transparentes e repletos de peixes coloridos ganharam fama e infraestrutura turística, tornando a região, na década de 90, uma espécie de Disney ecológica.


Bote no Rio Formoso: Adrenalina e aventura garantidas!

Foto: Rico (Secretaria de Turismo de Bonito)Cavernas e quedas d´água transformaram-se em pano de fundo para a prática do rapel; as matas foram cortadas por trilhas planejadas e circuitos de arvorismo; e os rios -verdadeiros aquários naturais graças ao calcário das rochas que contornam os leitos – viraram cenários para mergulhos autônomos e livres. E assim deverá continuar para sempre.
Flutuação é o esporte mais praticado, tamanha a variedade de peixes nos muitos rios de águas cristalinas
Exemplar no quesito turismo sustentável, Bonito faz bonito quando o assunto é preservação e exploração da natureza de maneira responsável. Por questões ambientais, os passeios que levam a cachoeiras, grutas, trilhas e nascentes são obrigatoriamente acompanhados por guias locais credenciados.


Sem eles, é impossível curtir os atrativos – muitos recebem um número limitado de visitantes por dia e ficam dentro de propriedades particulares, sendo fundamental fazer reservas com antecedência nas agências da cidade.
A rígida fiscalização proibiu, por exemplo, o rapel no Buraco das Araras – o interior da fenda é abrigo de aves diversas -, além de uma séria de outras atividades, como a pesca nos rios da região. Todo o esforço é válido para conservar as belezas que tanta fama garantem ao lugar.


Paraíso dos aventureiros, Bonito reserva espaço também para quem quer apenas contemplar os santuários. Para esta turma há cavalgadas e passeios de bicicleta. E, por mais que a água seja fria, não há como se esquivar da flutuação, uma espécie de mergulho livre. Equipado com máscara, snorkel, roupas e botas de neoprene, basta soltar o corpo que a correnteza e a natureza se encarregam do resto: apresentar as magníficas e coloridas flora e fauna dos rios, que por tanto tempo ficaram isoladas pelo anonimato.

Bonito, MS

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Divulgação
Sabe quem foi João Batista Sérgio Murad? Sim, o famoso Beto Carrero, o homem que desde criança sonhava em trabalhar em um parque de diversões e criou um dos maiores parques multitemáticos do mundo, o Beto Carrero World. Depois da infância pobre no interior de São Paulo, para ganhar a vida João trabalhou com muitas coisas, tais como cantor sertanejo, apresentador de show em rádios, promotor de rodeios e dono de agência publicitária, até que depois de se deslumbrar com a Disney, ele teve a certeza de que precisava realizar seu sonho.
E o fez! Vendeu tudo o que tinha e comprou um terreno no município de Penha, em Santa Catarina. E ali, em dezembro de 1991, nasceu um mundo de diversões que marcou a vida de muitas crianças nos últimos anos. Hoje com mais de 100 atrações que divertem não só crianças, mas toda a família, o Beto Carrero World é o primeiro na lista dos 25 melhores parques de diversões da América do Sul.

Divulgação
Quem gosta de um friozinho na barriga se arrepia todo com os brinquedos da área “Aventura Radical” do parque Beto Carrero World. Tem a super montanha russa Fire Whip, a primeira invertida a ser construída no Brasil. São 700 metros de pura adrenalina, com a velocidade a 100 km/h. Sem precisar ir muito longe dali, os aventureiros podem ir às alturas com o Free Fall, a “torre do terror” que despenca a 90 km/h a uma altura proporcional de um prédio de 18 andares.
Divulgação
Quem gosta da sensação da velocidade e do vento no rosto que as montanhas russas proporcionam, também vai adorar a Star Mountain, a mais antiga do parque. A velocidade média é 100 km/h em uma queda de 35 metros de altura. No Crazy River tem mais aventura, mas essa molhada. A bordo de um bote igual aos de rafting, os visitantes deslizam por corredeiras e pequenas cachoeiras.

Divulgação
Carros e corridas também fazem parte do Beto Carrero World. Na mesma área da aventura radical, acontece o Velozes e Furiosos Show, espetáculo com manobras radicais de carros, motos e caminhões, inspirado no famoso filme da Universal Studios. Não quer só assistir? No Super Carros, os visitantes podem dirigir (sem manobras radicais, calma) ou pegar carona em veículos que todo apaixonado por carro sonha em ter.

Divulgação
Estes shows do Beto Carrero World leva música, dança e números de circo ao pequeno público que, nem pisca. As crianças que desejarem uma aventura molhada, vão se divertir com o Tchibum, montanha-russa na água com barquinhos que deslizam a 80 km/h e despencam de uma altura de 15 metros.
A criançada fica enlouquecida com o Baby Elefante, pedalinho no rio e o Carrossel Veneziano, uma réplica do primeiro carrossel fabricado no mundo. E também tem cineminha com cadeiras que se mechem, efeitos especiais com ventos e até respingo d’água na atração Aventuras de Betinho-Carrero 4D.

Divulgação
E além dos brinquedos de diversão, dentro do Beto Carrero Word está um dos maiores zoológicos do país, com mais de 700 animais em ambientes que reproduzem o habitat natural de cada espécie. Que tal um passeio pela Ilha dos Babuínos, pela Passarela dos Tigres, Caverna dos ursos e até em um serpentário com mais de oito espécies de cobras do Brasil?
Divulgação
No Beto Carrero World a diversão parece nunca ter fim e, nem a magia. Mais espetáculos que proporcionam encantamento aos visitantes do parque é o Show da Monga, a mulher gorila. Outra megaprodução que deixa o público empolgado é o Blum, um naufrágio com personagens oceânicos que dançam, fazem malabarismo e esbanjam bom humor interagindo com o público. Quer mais? Pois no Beto Carrero World sempre tem! O Excalibur apresenta à animada plateia duelos medievas em busca da lendária espada empunhada por Rei Arthur.

Divulgação
A imaginação da criançada vai longe com os espaços temáticos do Beto Carrero World! Ao atravessar o lago pela ponte pênsil, chega-as à mágica Ilha dos Piratas. Na ilha as atrações mais animadas são o barco pirata que ao simular uma tempestade em alto mar atinge 12 metros de altura e uma caverna cheia de armadilhas, com show dos piratas ao fim.
Divulgação
E, além do mundo dos piratas, os filmes de velho oeste também ganham vida no Beto Carrero World. A área que transporta os visitantes ao passado apresenta construções típicas com saloons, aldeia indígena, cavalos e o show “O sonho do Cowboy” que encerra as atividades do parque contando a história do Beto Carrero.

Beto Carrero World, esse lugar não podia faltar na sua lista

quarta-feira, 3 de maio de 2017

O charme rústico do cenário que contorna Porto de Pedras e as vilazinhas ao redor faz da região uma das mais encantadoras da Costa dos Corais, entre Maceió e Recife. Praia do Patacho tem acesso precário, mas exclusividade compensa
Na sede do município, as casas centenárias colorem o centrinho; enquanto na praia o destaque fica para o farol, acessível depois de cinco minutos de caminhada íngreme e vista de tirar o fôlego.


Praia do Lage: Mordomia no passeio de jangada – Foto: Duda Quem segue para o Sul chega à praia do Patacho, uma das mais perfeitas da região, com mar azul clarinho e recifes.
 O acesso é precário, mas quem enfrenta a estradinha de terra que serpenteia um coqueiral encontra uma paisagem deserta, com pouquíssimas construções à beira-mar.
A próxima parada é na praia do Lage, com coqueiros a perder de vista e razoável movimento na alta temporada.
O passeio segue até à vila de Tatuamunha, com casarões preservados e uma praia quase sempre vazia.
Por ali, o encanto fica por conta do riozinho de águas verdes, frequentado por peixes-boi. O cenário é perfeito para um romântico passeio – a pé ou de barco – durante o pôr do sol.

Porto de Pedras, Alagoas

Ipemig Pós Graduação EAD
Ipemig Pós Graduação EAD
todas as pós-graduaçãoes por 15x 99,00 + matricula de R$150
 
Aumente a sua possibilidade de empregabilidade
e progressão salarial com um curso de pós graduação
 
Carga horária diferenciada   Educação a Distância (EAD)

Carga horária diferenciada

Educação a Distância (EAD)

Carga horária a partir de 580h.
Certificado pronto entre 30 e 90 dias.

Forma rápida e prática para adquirir
conhecimento de qualidade.
   
MEC Preço acessível

MEC

Preço acessível

Todos os cursos com diplomas
reconhecidos pelo MEC.

Facilidade de pagamento e descontos
ao indicar amigos.
 
Faça uma especialização
acessível e de qualidade.
Garanta a sua vaga

*Carga horária de 580 horas, duração mínima de 6 meses. Consulte os cursos disponíveis para esta carga horária.
**Condição especial para todos os cursos da Educação Especial. - Veja as condições que preparamos para a sua área!