quinta-feira, 27 de abril de 2017

Conhecido como o Caribe Brasileiro, o estado de Alagoas conta com uma beleza natural ímpar, comidas típicas e diversão para todos os tipos de gostos e bolsos. Confira os 5 passeios que você não pode deixar de fazer ao visitar Alagoas.
A Praia de São Miguel dos Milagres, um dos destinos de Alagoas, oferece muito mais do que cenários paradisíacos – Foto: Thaís Ursini
A Praia de São Miguel dos Milagres, um dos destinos de Alagoas, oferece muito mais do que cenários paradisíacos – Foto: Thaís Ursini
Um dos destinos mais disputados e belos do Brasil é o estado de Alagoas, na região Nordeste. Segundo o governo local, o estado recebeu mais três milhões de turistas em 2015, sendo 33% paulistas. E o turismo não para de crescer. Afinal, ninguém quer perder a chance de conhecer cenários paradisíacos sem sair do país. Na contramão da crise, o Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, no acumulado até novembro de 2016 apresentou um crescimento de 1,07%, quando comparado ao mesmo período de 2015. Nem a crise afetou o turismo local.

Complexo Hibiscus (Praia de Ipióca)

Um dos mais badalados passeios da região está a 25 quilômetros de Maceió. O complexo Hibiscus traz conforto e qualidade diferenciada. Muito bem estruturado, conta com guarda-sol, cadeiras de praia, bangalôs, rede à beira-mar, colchonetes, lounge, música ambiente, show ao vivo, piscina, duchas, restaurante e banheiro higienizados de hora em hora. A praia, exclusiva, tem mar azul turquesa, longa faixa de areia para caminhadas e coqueiros que deixam o cenário ainda mais paradisíaco. É possível alugar stand-up, canoa e fazer o famoso passeio de banana boat. Além da diversão, pode-se almoçar com uma vista única do ‘mar caribenho’. Como a área é particular, o acesso ao local é pago.
A praia de Ipióca encanta os turistas por sua beleza natural a
A praia de Ipióca encanta os turistas por sua beleza natural a “a la Caribe” – Foto: Thaís Ursini

Flyboard (Praia do Gunga)

A principal atração na praia do Gunga possibilita os turistas, literalmente, voarem. O Flyboard é um esporte que através de um jet-ski possibilita que os corajosos façam manobras no ar ao prenderem seus pés a uma prancha, que é ligada por uma mangueira especial que suporta a pressão emitida pela turbina da embarcação. Impulsionado pela aceleração do jet-ski, o turista voa a até 10 metros de altura. O mais interessante é que em poucos minutos qualquer pessoa consegue ‘aprender’ a voar.  A diversão dura 30 minutos.
Para voar é necessário manter os joelhos retos e direcionar com o corpo - Foto: Thaís Ursini
Para voar é necessário manter os joelhos retos e direcionar com o corpo – Foto: Thaís Ursini

Disco Boat (Praia do Gunga)

O Disco Boat é uma das atrações mais baratas de Maceió e uma das mais disputadas. Na praia do Gunga, localizada a 44 quilômetros do centro da cidade, os turistas podem se divertir no ‘brinquedo’. Puxada por uma lancha, a boia redonda inflável comporta 10 pessoas e faz manobras radicais com os passageiros. Diferentemente da já tradicional banana boat, no Disco Boat, os turistas não caem na água. Esta é a diversão ideal para quem gosta de adrenalina, já que a velocidade é alta e o disco chega a ‘flutuar’ no ar.
Sem deixar os turistas caírem no mar, o Disco Boat chega a
Sem deixar os turistas caírem no mar, o Disco Boat chega a “voar” devido a sua velocidade – Foto: Thaís Ursini

Passeio no Pau-de- Arara (Dunas de Marapé)

Quem optar pela viagem até às Dunas de Marapé não pode deixar de fazer o tradicional passeio no pau-de-arara. Em um caminhão do exército, adaptado ao turismo, a viagem dura aproximadamente duas horas. No trajeto do passeio, os turistas passam por uma igreja, onde o guia explica um pouco sobre a história local, seguem até uma fazenda repleta de coqueiros e fazem a primeira parada nas falésias de Jacarecica do Sul. A beleza única das formações rochosas por si só vale o passeio. Nesta parada, os passageiros podem descer e ir até a praia. Na sequência do passeio há uma segunda parada em uma lagoa, onde o turista pode se banhar, tomar uma água de coco ou comer uma cocada.
As paradisíacas falésias tornam a praia de Jacarecica do Sul uma das mais belas atrações de Alagoas - Foto: Thaís Ursini
As paradisíacas falésias tornam a praia de Jacarecica do Sul uma das mais belas atrações de Alagoas – Foto: Thaís Ursini

Passeio de Jangada (Praia de São Miguel dos Milagres)

A praia de São Miguel dos Milagres, situada a 94 quilômetros ao norte da capital alagoana, é famosa por sua beleza natural única, além de ser quase deserta. Se a praia já uma atração, quando a maré baixa a região ganha um paraíso escondido pelas águas cristalinas da região. Os turistas são levados de jangada até as piscinas naturais. Neste local é permitido descer no meio do mar e caminhar com a água na altura da cintura. Além disso, é possível ver a olho nu os peixes e tirar fotos com eles. Além do mergulho, é possível andar de buggy, onde o turista conhece mais três praias (Patacho, Toque e Porto da Rua) e suas piscinas naturais.
As jangadas, que tem capacidade para até nove pessoas, levam os turistas até as piscinas naturais, no meio do oceano - Foto: Thaís Ursini
As jangadas, que tem capacidade para até nove pessoas, levam os turistas até as piscinas naturais, no meio do oceano – Foto: Thaís Ursini

Aproveite Alagoas, lugar cheio de passeios imperdíveis

quarta-feira, 19 de abril de 2017


Quer levar toda a sua família para uma viagem com descanso e muito lazer, mas quer uma hospedagem completa e com qualidade, no mínimo, excelente? No luxuoso Grande Hotel São Pedro, os viajantes muito exigentes não se decepcionam, pelo contrário, eles se surpreendem com o alto padrão nos serviços, no atendimento, no lazer, na gastronomia e no conforto deste hotel que, desde a década de 40, oferece uma experiência ímpar, na estância hidromineral de Águas de São Pedro.

Natureza no Grande Hotel São Pedro

Situada a aproximadamente 180 km da capital de São Paulo, a tranquila e acolhedora cidade de Águas de São Pedro é, por si só, um bálsamo para os males da cidade grande. Apesar de pequena, apenas 3,9 km², possui metade de sua área territorial coberta por verde, 10 vezes mais do que a ONU recomenda.



Além das praças, jardins e bosques, o que rendeu fama e fez com que a cidade fosse projetada para ser um destino turístico voltado exclusivamente ao bem-estar e lazer de seus visitantes, foi a sua água, considerada pelo IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) a Segunda do Mundo e a Primeira das Américas em “teor de sais de enxofre”.



Na cidade que já tem tudo para garantir uma viagem revigorante, o Grande Hotel São Pedro se destaca como uma atração à parte do destino. Construído na década de 40, o hotel mantém até hoje uma elegante arquitetura ao estilo Art Déco, cercada por belos jardins e bosques.
Administrado pelo Senac, além de hospedar com muito estilo e excelentes serviços, o Grande Hotel São Pedro abriga o Centro Universitário Senac – Campus Águas de São Pedro. O fato de ser um hotel-escola garante ainda mais qualidade, pois os “funcionários alunos”, mais do que os funcionários já formados, estão ali para dar o melhor deles, afinal, vale nota.



Em uma área com 330 mil m², cercada por muita natureza, a diversão é constante com variadas opções de lazer. Para a prática de esportes, tem 4 quadras de tênis, 1 campo de futebol society e 1 ginásio esportivo. O excelente campo de golfe, com 9 mil m² e duas saídas diferentes, permite jogos de até 8 buracos, com distâncias que variam entre 48 e 72 jardas. E, quem ainda não é muito experiente no golfe, pode treinar umas tacadas a longa distância, no driving range, que tem 1200 m².



Para curtir mais atividades em meio à natureza, tem circuito de cooper e trilhas interligadas, para caminhadas em meio ao bosque do Grande Hotel São Pedro. Com 4 piscinas diferentes, o mergulho da família toda fica garantido. Tem 1 piscina descoberta, 1 para atividades aquáticas, 1 para a criançada e outra de biribol. As crianças também se divertem no Miniclube, com os monitores que sempre elaboram atividades divertidas, mas com foco cultural e pedagógico, assim os pequenos aprendem brincando.



Para aproveitar os benefícios medicinais, rejuvenescedores e relaxantes das águas, o Health Club do Grande Hotel São Pedro, é ideal! Os hóspedes podem sentir o poder das águas através de banhos de imersão sulfuroso a 37°C, hidromassagem com turbilhão e cascata, ducha circular e saunas.
Para aliviar as tensões musculares, um menu com diversas massagens também está disponível. Tem ayurvédica, indiana, com pedras quentes, com pindas, modeladoras, shiatsu, zen e mais. Para cuidados estéticos tem tratamentos de banho de lama negra termal, hidratações diversas, termoterapia, argilovinhoterapia, entre outros.



A gastronomia do Grande Hotel São Pedro também agrada aos paladares mais exigentes. No Restaurante Engenho das Águas, em um ambiente sofisticado, à meia luz e ao som de piano, é servida uma gastronomia contemporânea internacional, com inspiração na clássica culinária francesa, nas opções à la carte ou menu degustação. Para acompanhar, a carta de vinhos do Grande Hotel São Pedro, oferece mais de 200 rótulos.



No Restaurante Grande Hotel são servidas as principais refeições do dia: café da manhã, almoço e jantar. O cardápio segue as mudanças das estações, para garantir sempre os alimentos mais fresquinhos, e ocasionalmente acontecem deliciosos almoços e jantares temáticos, com receitas do Brasil e do mundo.
Até na hora das refeições, as crianças têm exclusividade. Durante a alta temporada e nos feriados prolongados, o Grande Hotel São Pedro oferece um Restaurante Infantil, com ambiente divertido, pratos coloridos e nutritivos, criados especialmente para os pequenos em fase de crescimento.



Para curtir a piscina com um toque de sofisticação que só o Grande Hotel São Pedro tem, a Figueira da Piscina, é o lugar! A área gastronômica tem 700 m², está situada ao lado de uma linda e imponente árvore figueira e oferece um cardápio variado, com comidas preparadas no forno a lenha.

Grande Hotel São Pedro, SP

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Para ir ver a Aurora Boreal, vamos listar 05 lugares onde você pode curtir essa experiência única.
A aurora boreal é um fenômeno natural que acontece por causa do choque feito por partículas de vento solar no perímetro magnético terrestre que ocorrem em regiões polares do planeta. Uma curiosidade é que o fenômeno também ocorre em Júpiter, Saturno, Marte e Vênus. Em palavras com menos peso científico: é um espetáculo de luzes e cores que aparecem no céu e que atraem muitas pessoas para observar.
Como ainda não dá para ir até Júpiter, Saturno, Marte ou Vênus para ir ver a Aurora Boreal, vamos listar 05 lugares aqui mesmo no planeta Terra onde você pode curtir essa experiência única.
É importante dizer que vale (e muito) conferir a previsão antecipadamente para certificar-se das chances de conseguir ver uma.

Canadá

Provavelmente um dos locais mais fáceis e mais econômicos para se ver uma Aurora Boreal. E tem muitas opções por lá: em volta do Lago Superior (Ontário), a tundra do norte do Canadá e a área próxima de Yukon.

Islândia

Um local ideal para ver algo diferente em um lugar diferente. Durante o inverno é o período certo para ver a Aurora Boreal e o Parque Nacional de Pingvellir tem planícies ideais para ver o fenômeno. Fica a dica: para chegar até lá, uma das formas mais simples é pegar um avião em Londres.

Alasca

Assim como ir para a Islândia, viajar para o Alasca é uma experiência única. E para elevar isso ao máximo, procure ir para o Parque Nacional de Denali – ideal para assistir ao fenômeno.

Noruega

Se tem um lugar quase certo de se ver uma Aurora Boreal, esse lugar é a Noruega, mais precisamente em uma cidade chamada Tromso, que fica acima do Círculo Polar Ártico e já está acostumada com o número de pessoas que procuram o fenômeno.

Rússia

Prepare-se para congelar na península de Kola, mas ser contemplado com o fenômeno. O lugar fica praticamente inteira acima do Círculo Polar Ártico e é bastante procurado para ver a Aurora Boreal no céu.

Quais os lugares para você ver a Aurora Boreal

domingo, 2 de abril de 2017

Veja um guia de como preparar a diversão para a família toda em Orlando, nos Estados Unidos

A partir de 1 ano

Seu filho vai entrar de graça nos parques e também não paga para comer na maioria dos restaurantes.
Há pouquíssimas atrações para essa faixa etária, mas todos os parques contam com espaços para famílias com fraldário, micro-ondas e aquecedor de mamadeira. Também dá para alugar carrinho (mas compensa mais comprar um básico no Walmart).
Magic Kingdom Parade Walt Disney World Resort Orlando EUA

A partir de 3 anos

A criança já paga ingresso e tem mais atrações voltadas para ela, mas ainda não são muitas.
O Child Swap ou Rider Switch permite que pais que estejam com crianças que não têm altura mínima ou simplesmente não queiram ir a determinado brinquedo possam se revezar: enquanto um vai no brinquedo, o outro espera do lado de fora com o pequeno e depois troca sem ter de pegar a fila duas vezes.
Para essa faixa etária pode valer a pena ficar num dos resorts dentro do complexo da Disney para minimizar deslocamentos.
Menina segura um balão com uma imagem do filme "Frozen", enquanto tenta agarrar bolhas de sabão

A partir de 6 anos

Já tem altura para entrar em mais brinquedos, mas vale dedicar mais tempo ao parque mais infantil de todos: o Magic Kingdom.
Depois, o Animal Kingdom faz sucesso pelo fascínio dos pequenos pelos animais, e lá tudo gira em torno deles.
Em ambos dá para aproveitar uma série de shows (de teatro ou em 3D e 4D) e encontros com personagens. Também vale conferir o Legoland e algum parque aquático.
Animal Kingdom Adventurer's Outpost Disney World Resort Orlando EUA

A partir de 8 anos

Eles já aguentam caminhar mais pelos parques e podem participar de brinquedos com mais emoção, como o Harry Potter and the Forbidden Journey, no castelo, o Cheetah Hunt, no Busch Gardens, e o Amazing Adventures of Spider-Man, no Island of Adventures.
Star Wars Weekends - Orlando

A partir de 12 anos

A garotada aqui já pode radicalizar e ir às montanhas-russas mais velozes de Orlando, como a Incredible Hulk Coaster, no Island of Adventures, e a SheiKra, no Busch Gardens.
Se eles quiserem ir de novo e de novo (e você não estiver com pique para acompanhar), use o serviço Single Rider, a fila onde quem estiver sozinho pode passar na frente.
Marvel Super Hero Island, Islands of Adventure, Orlando, Flórida

Aproveite Orlando com as crianças com estas dicas, confira

Ipemig Pós Graduação EAD
Ipemig Pós Graduação EAD
todas as pós-graduaçãoes por 15x 99,00 + matricula de R$150
 
Aumente a sua possibilidade de empregabilidade
e progressão salarial com um curso de pós graduação
 
Carga horária diferenciada   Educação a Distância (EAD)

Carga horária diferenciada

Educação a Distância (EAD)

Carga horária a partir de 580h.
Certificado pronto entre 30 e 90 dias.

Forma rápida e prática para adquirir
conhecimento de qualidade.
   
MEC Preço acessível

MEC

Preço acessível

Todos os cursos com diplomas
reconhecidos pelo MEC.

Facilidade de pagamento e descontos
ao indicar amigos.
 
Faça uma especialização
acessível e de qualidade.
Garanta a sua vaga

*Carga horária de 580 horas, duração mínima de 6 meses. Consulte os cursos disponíveis para esta carga horária.
**Condição especial para todos os cursos da Educação Especial. - Veja as condições que preparamos para a sua área!